0

0

segunda-feira, junho 20, 2011

Conheça o DoeSangue.net

Doar Sangue e a internet


Com freqüência são veiculados campanhas ou apelos dos hemocentros informando a necessidade de reabastecer o estoque de bolsas de sangue ou lembrando a importância de ser um doador. Doar sangue é uma atitude simples, que salva vidas. O dia Mundial do doador de sangue é celebrado no dia 14 de junho.
Desde o dia 15 de junho de 2011 foi lançado o DoeSangue.net, aplicativo que visa auxiliar as milhares de pessoas em todas as partes do nosso país que precisam ou dependem de sangue para manutenção de suas vidas. Possibilitando o cadastro de pacientes que precisam de doação e a divulgação desses pedidos através das redes sociais. Uma iniciativa do programador web alagoano Luiz Alberto Silva Ribeiro, formado em Sistemas de Informação.
O internauta pode acessar o Doesangue.net através dos endereços http://www.facebook.com/doesangue ou www.doesangue.net, o aplicativo também pode ser visualizado por quem não possui conta no Facebook. Para completar o cadastro é preciso preencher o nome do paciente (opcional), Estado/Cidade, Tipo sanguíneo e Hemocentro.
Ao inserir um pedido de doação este é replicado nas redes Facebook, Twitter, Identi.ca, brightkite, Tumblr, jaiku e Plurk. É uma ferramenta simples que conta com a colaboração dos internautas e com objetivo de potencializar a divulgação dos pedidos para doação de sangue.

Informações básicas para tornar-se um doador:

De acordo com o Ministério da Saúde (MS), para se candidatar à doação, é preciso estar em perfeito estado de saúde e portando um documento de identificação com foto, o candidato deve comprovar que possui no mínimo 16 anos de idade e peso igual ou superior a 50 kg. O candidato à doação deve comparecer ao hemocentro bem alimentado. Estarão impossibilitados de doar, aqueles que não preencham estes pré-requisitos e sejam portadores do vírus HIV ou que já foram acometidos por sífilis, Chagas e, após os dez anos de idade, tenham contraído hepatite. Quem fez tatuagem ou piercing deve esperar 1 ano antes de doar sangue. Já quanto às mulheres, não é permitida a doação para àquelas que estejam grávidas ou amamentado.
Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença de Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher a cada três meses. Para doar sangue não é preciso estar em jejum. O doador deve estar bem alimentado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário