0

0

terça-feira, janeiro 31, 2012

Comunicação gestual colaborativa

Utilizar as mão para comunicar-se, com que frequência você faz isso? Como hábito, brincadeira, prefere falar, ler lábios, estuda LIBRAS?

Tenho admiração pela comunicação gestual e escolhi compartilhar um pouco com você sobre mimica e sobre LIBRAS.

Mimica

A denominação mais popular da ação de utilizar gestos para comunicar-se é a mimica.
Um dos momentos em que faz-se uso da mimica é ao precisar falar com alguém que está no mesmo ambiente mas não pode ouvi-lo, nem aproximar-se naquele momento. Acredito que compreender uma mimica na maioria das vezes é mais fácil do que fazê-la (concorda?). Usar mimica em jogos e brincadeiras, nem sempre é simples, principalmente para aqueles que tem limitações em elaborar mimicas acessíveis (como eu).

Se você é fera em mimica, parabéns!
Queria muito encontrar um manual ou um professor para aprender a fazer mimica, conhece algum?

LIBRAS

Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS) é a língua de sinais desenvolvida através de gestos e sinais. Utilizada pelo surdos e pelos ouvintes. O ensino de LIBRAS é disponibilizado em instituições privadas e públicas, principalmente para surdos, mas ainda não abrange todos que dela precisam.

Você já viu pessoas conversando através de sinais?
Fico fascinada em ver o movimentar de mãos, feições e expressões corporais que compõe a língua de sinais. Passei uns três anos querendo estudar LIBRAS e ano passado consegui começar e o interesse só aumenta.


FotoLIBRAS

Hoje descobri esse projeto www.fotolibras.org, uma ação sensacional que desenvolveu uma metodologia para ensinar fotografia e animação aos surdos. Além de capacitar os participantes do projeto que tornaram-se replicadores, também foi publicado um livro, o Guia FotoLIBRAS que registra a experiência a fim de inspirar ou facilitar oficinas replicadoras desta ideia.

Como Colaborar
Compre o seu exemplar do Guia FotoLIBRAS e indique para os amigos.


Veja a análise de conteúdo do site do Projeto FotoLIBRAS

Nenhum comentário:

Postar um comentário