0

0

domingo, dezembro 09, 2007

Mudando o rumo da história ou da estrada...



E eis que há uma luz no fim do túnel...
Na verdade sempre lá esteve, eu que relutava ou não conseguia destinguí-la no meio da escuridão...
Não errei o caminho, nem me perdi na escuridão, mas me prendia aos obstáculos, esmurecia ao não ver a luz no fim do túnel...
Mas deixei que a história muda-se de figura
Aprendi a colaborar para que o desenvolver do percuso, da experiência, do cotidiano e do inesperado fosse o mais natural e proveitoso possível...
A estrada pode até ficar interditada, pode até nem ser mais trafegável, mas eu vou seguindo, eu estou atenta e isso faz toda a diferença...

Nenhum comentário:

Postar um comentário