0

0

domingo, abril 01, 2012

Suspeita de dengue contra-ataca

Em 2006 ainda era uma universitária em meu primeiro ano de estágio, já naquela época não gostava de faltar o trabalho, tanto que após um domingo de febre e advertências de minha mãe para que ficasse em casa repousando, insisti em ir pro estágio.

Fui tão ignorante que agi como se fosse um dia normal e fui andando. Uma hora depois que estava no estágio, sai da sala com uma colega para colar uns avisos no mural, comecei a sentir um mal estar e fui procurar um lugar para sentar, antes que chegasse em alguma cadeira, desmaiei.

Fui socorrida pela colega que pediu que chamassem o médico da empresa, o médico ainda me examinou, e me recomendou repouso, mas não me lembro dele ter falado de dengue.
Acabei não ligando para minha mãe ao ser levada para casa, não queria assustá-la. Mas óbvio que ela ficou preocupada quando me viu chegar tão cedo e de carona. Eis q nem deu tempo dela processar nada direito, pois passei mal de novo, dessa vez rejeitei o que havia comido anteriormente.

Fui para a urgência perto de casa e me medicaram, fiz teste para dengue. Fiquei alguns dias de repouso.

Eis que hoje tive mais um domingo de febre, dessa vez com o diferencial de dor de cabeça também e dores persistentes no corpo e mais uma vez a suspeita de dengue, agora é ficar quietinha em casa pra não desmaiar de novo por aí e aguardar para fazer o teste na terça, aff

Nenhum comentário:

Postar um comentário