0

0

terça-feira, junho 19, 2007

É o agora


Era tão mais fácil aceitar o que me oferecem, ou então não interferir no que acham que eu mereço.
Tão mais fácil contentar-se com o agora, sem comparar com o ontem e sem temer o que faltará ou virá a mais junto com o amanhã.
Melhor ainda seria contentar-se com o carinho que se recebe hj, sem ficar com a vontade de quero mais esticando a espera pelo dia seguinte.
Ou quem sabe não parar no meio de uma experiência encantadora ou de um momento maravilhoso para saber se aquela pessoa que o está dividindo com você, está na sua sintonia, se vai estar ao seu lado até quando ou se vai te entender p sempre.
Esquecer os anseios não é fácil, ser deliberadamente espontâneo é pior ainda...

Nenhum comentário:

Postar um comentário